Alzare x Aumentare

ALZARE X AUMETARE

Ciao a tutti!

Nel nostro post di oggi, studieremo alcune differenze tra i verbi aumentare e alzare, così come i contesti in cui possono essere adoperati anche come sinonimi. Pertanto, ho fatto un piccolo studio comparativo tra questi due verbi consultando alcuni dizionari che ho a casa o disponibile in rete. Siete pronti?

AUMENTARE viene dal latino tardo augmentare, derivato di augumentum, e può significare:

a) (v.trans.) rendere maggiore, nelle dimensioni, nella quantità (o intensità), coniugato nei tempi composti con l’ausiliare AVERE:

Adesso che abbiamo aumentato le entrare, possiamo fare un bel viaggio in crociera.

Il governo ha aumentato (alzato) i prezzi del carburante.

Oss.: in questo caso, possiamo adoperate anche “alzare”.

È necessario aumentare i numeri degli operai.

Mi hanno aumentato lo stipendio.

Puoi aumentare (alzare) il volume della radio?

Oss.: in questo caso, possiamo adoperare anche “alzare”.

Ciò che mi hai detto non ha fatto che aumentare il mio dolore.

b) (v.int.) crescere, divenire più grande quantitativamente, coniugato nei tempi composti con l’ausiliare ESSERE:

Sono aumentata di peso nell’estate scorsa.

Le spese sono aumentate tantissimo quest’anno.

A causa del riscaldamento globale il caldo è aumentato nelle ultime decadi.

ALZARE viene dal latino volgare altiāre, derivato dal latino classico ăltus, e può significare:

a) (v.trans.) portare, levare in alto; rivolgere verso l’alto; sollevare, innalzare (anche in senso figurato), coniugato con l’ausiliare AVERE:

Il medico ha chiesto il bambino di alzare il capo.

Alza la gamba!

Le signore hanno alzato preghiere a Dio.

Alcuni modi di dire con il verbo "alzare": alzare le mani al cielo - in atto di preghiera o di sconforto; alzare gli occhi al cielo - in segno di rassegnazione o sofferenza; alzare spalle - in segno di noncuranza o di disprezzo; alzare i bicchieri - brindare.

b) (v. trans.) rendere più alto, aumentare di intensità:

Il governo ha alzato (aumentato) il prezzo del carburante.

Puoi alzare (aumentare) il volume della radio?

Oss,: in questi due casi, possiamo adoperare anche “aumentare”.

Se conoscete altri usi dei verbi trattati in quest’articolo, fatecelo sapere nei commenti: la ricerca che ho fatto non è stata esaustiva. Vi consiglio, comunque, di abituarvi a usare più spesso il dizionario, poiché è l’unico modo di sanare i vostri dubbi e capire i possibili usi delle parole.

Claudia Valeria Lopes

Arrivederci e buono studio!

Se il post vi è piaciuto, fatecelo sapere nei commenti!

 

6 pensieri su “Alzare x Aumentare

  1. Milke

    Non condivido l’uso in meteorologia del verbo rialzare della temperatura. Mi sembra più appropriato aumentare. Nel linguaggio borsistico invece puo passare rialzo o rialzare.

    Mi piace

  2. Jorge Santos

    Cara Cáudia,

    Desculpe escrever em português, de momento é menos penoso para mim mas prometo, posteriormente, ensaiar escrever-lhe em italiano.

    Sinto para consigo uma gratidão pelo seu trabalho para com todos nós, que a seguimos, na ânsia de aprendermos a língua italiana.

    Gosto muito, aprecio o seu método em vez de nos carregar com exercícios ou testes, como outros, bem intencionados, certo, mas que nos afastam porque não nos fornecem, antes desses testes, matéria para os conseguir resolver. Tudo ajuda claro e  0800 (como se diz no seu santo país – minha mulher é pernambucana e eu sou portuga do Porto). Sei ser grato a todos os que nos ajudam de uma forma ou de outra.

    aproveito as suas dicas, copio-as para uma pasta específica com arquivos em Word, trabalho-os realçando o que mais me suscita necessidade de aprender e, “the last, not the least” , adoro as suas sugestões de vídeos e obras complementares para seguirmos porque, desgraçadamente, em Portugal não se vêem os programas italianos a não ser que se faça um bom investimento em parabólicas e receptores para esse efeito.

    Estou a pensar alugar, por três meses, um quarto ou monolocale na zona da padânia até Rimini, lá para o fim do Verão, e instalar-me com a minha mulher numa pequena terrinha para puder comunicar com as gentes locais e fazer desse lugar uma placa giratória de visita às Dolomiti, Sam Marino, Verona e “cosi via”.

    Por isso , renovo a minha gratidão pela sua ajuda permanente e muito válida.

    Apenas uma nota, quando falar connosco pelo vídeo, olhe para o ponto da câmera, e não para a luz do monitor, dá-me uma noção de distância. Desculpe-me esta sugestão mas sou profundamente sincero e creio que valorizaria muito mais a sua comunicação que considero de muito interessante. Pequeno pormenor, sem relevância mas que nos aproxima. Com todo o respeito, tem uma presença muito agradável, muito simpática e nestas coisas os olhos nos olhos ajudam a concentrar e seguir. Não me tome a mal, por amor de Deus. Sou um velho de 68 anos e não quero que pense mal.

    De resto, aguardo sempre as suas publicações que muito me ajudam.

    Muito obrigado, mais uma vez, muitas felicidades e sucesso na sua actividade para si e seu marido (não sei se tem filhos mas, francamente, não é a sua vida pessoal que pretendemos saber embora desejemos seja muito alegre e feliz como nos transparece)

    Desculpe esta forma próxima de comunicar mas creia que já entra na minha casa com honra de uma visita desejada por mim e pela Cristina, minha mulher, que também a segue.

    Com amizade

    Jorge Almeida Santos

    Piace a 1 persona

    1. Claudia Lopes

      Caro Jorge,
      Fiquei tão emocionada com a sua mensagem, que quase chorei, mas não de tristeza! O que eu faço aqui e na página FB do Affresco é realmente para ajudar quem tem dificuldade de aprender por falta de tempo, de material, de método. No fundo, estabeleço com vocês um exercício de reflexão em relação ao estudo de uma língua estrangeira em geral, não somente do italiano.
      No que diz respeito à registração, eu também já notei que olho sempre para o lado. O problema é que eu gravo com o Iphone, e mesmo olhando diretamente para o objetivo, a gravação sai sempre do jeito que você mencionou. Assim que puder, vou investir em uma boa filmadora para poder gravar vídeos de qualidade.
      Obrigada por dividir comigo parte de sua vida pessoal. Eu sou casada sim, meu marido é italiano, tenho uma filha de 9 anos. Morei na Itália por 7 anos e a há 7 anos vivo na Suíça com minha família. No geral, tento não entrar em detalhes, sobretudo na página FB: para os meus seguidores eu sou a Cláudia Lopes e estou aprendendo italiano junto com eles.
      Os meus avôs (materno e paterno) eram portugueses. O materno era exatamente do Porto, o paterno, sinceramente, não me lembro.
      Bom dia para você e sua esposa! Não tenha medo de escrever em italiano: se houver erros, eu corrijo.
      Um grande abraço e até breve!

      Mi piace

Rispondi

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione /  Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione /  Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione /  Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione /  Modifica )

Connessione a %s...

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.